10 erros comuns que os caixas cometem

Os caixas

Desempenham um papel importante em sua operação comercial, pois lidam com a maioria das transações monetárias. Eles não apenas lidam com o dinheiro da sua empresa, eles também podem afetar a retenção de clientes e impedir fraudes. Neste artigo, destacaremos alguns dos erros comuns que os caixas cometem e como cuidar deles.

10 erros comuns que os caixas cometem e como os funcionários podem evitá-los

Os caixas geralmente são necessários para lidar com dinheiro rapidamente, garantindo que as transações sejam precisas. Isso torna sua tarefa um pouco complicada, onde esses tipos de erros de pequenas empresas podem levar a perdas e impactar negativamente a eficiência no local de trabalho. Enquanto um caixa bem treinado pode oferecer uma gaveta de dinheiro equilibrada, linhas mais curtas no corredor da compra e clientes mais importantes satisfeitos.

1. A troca de caixas registradores no meio do turno

Um erro comum que os caixas geralmente cometem é mudar de uma caixa registradora para outra no meio do turno. A mudança pode ter sido necessária para atender aos clientes, mas pode resultar em dificuldade em rastrear o fluxo de caixa e aumentar a vulnerabilidade ao roubo, a menos que haja um procedimento de assinatura. No caso, erros ou erros ocorrem sem um procedimento de login, seria difícil para a gerência identificar qual caixa cometeu um erro ao operar o registro e corrigir o problema.

2. Não verificando dinheiro falsificado

Com muita frequência durante transações, os caixas podem ignorar as tentativas dos clientes de gastar algum dinheiro falsificado. Como resultado, muitas empresas podem ser fraudadas ao aceitar, sem saber, a moeda falsificada. Com o treinamento certo, os caixas podem aprender a identificar contas falsificadas simplesmente olhando para elas. As empresas podem adicionar outro nível de proteção investindo em um detector de falsificação.

3. tocando no total errado

Como caixa, é importante poder fazer matemática mental rápida e retornar a alteração correta ao cliente. Quando os caixas são distraídos ou sobrecarregados com muitos clientes, eles podem tocar no total errado. A conseqüência é que eles podem ser obrigados a cancelar a transação que leva a atraso e decepcionar ainda mais o cliente. Incidentes como esses podem ser reduzidos treinando sua equipe para usar procedimentos adequados de manuseio de caixa e introduzir automação para reduzir o número de erros.

4. dando muita mudança

é importante que, ao dar, a mudança de caixa precise dar a quantidade correta de alterações nos clientes. Durante as transações, os caixas devem garantir que eles dêem a mudança correta, evitando a contagem de erros.

5. Não dando alterações suficientes

Não há nada mais frustrante do que ficar com curta duração ao comprar algo. Quando se trata de impedir uma reputação negativa, evitar clientes raivosos é de primordial importância. Mesmo que os caixas não estejam muito ocupados, eles devem tentar contar as mudanças para os clientes. Eles também podem entregar as moedas dos clientes primeiro e depois as contas para dar alterações para uma distribuição rápida e correta.

6. Contar alterações mais de uma vez

Não prestar atenção ao dar mudanças pode ser um desafio. Contar a mudança mais de uma vez pode parecer uma boa idéia verificar se a alteração está certa. No entanto, pode levar tempo extra e resultar em custos de mão-de-obra mais altos. Nos negócios, a perda no tempo de processamento resulta em incorrer em custos adicionais.

7. Sendo confuso sobre as políticas

Os caixas precisarão ser claros sobre as políticas e diretrizes existentes em relação ao manuseio de dinheiro. Não ser claro sobre essas políticas pode levar a ações arbitrárias que podem afetar negativamente os negócios. Políticas claras oferecem roteiros claros sobre como navegar em situações incertas, oferecer orientação e instilar responsabilidade.

8. Não conduzindo as transações de reembolso e retorno corretamente

As pessoas patrocinam seu negócio porque esperam obter transações sem complicações. Às vezes, os clientes podem tomar decisões de última hora para não comprar um item que já foi acionado. Outros incidentes podem surgir são quando os caixas entram manualmente em um valor errado, ou a caixa registradora aumenta um valor errado diferente do preço acentuado. Seus caixas devem ajudá-los a navegar pelas transações, dando-lhes o direito de retornar se as políticas se aplicarem e reembolsá-las.

9. Inserindo o método de pagamento errado na caixa registradora

Inserindo o método de pagamento errado na caixa registradora pode indicar que você não está se concentrando na tarefa em questão . Isso pode levar os clientes a ficarem frustrados com o atraso.

10. Confie em equipamentos de manuseio de dinheiro desatualizados

Confiando em equipamentos desatualizados de manuseio de dinheiro abre sua empresa para frequentes avarias e horários de inatividade. O uso de equipamentos desatualizados também abre você para frequentar os custos de reparo e peças de reposição, consumindo assim seus resultados.

Quanto dinheiro deve estar em uma flutuação de caixa?

Quanto dinheiro deve estar em seu flutuador de caixa depende do valor médio das vendas que sua empresa conduz. Se suas vendas médias chegarem a cerca de US $ 300, manter cerca de US $ 300 como flutuação poderá funcionar. Mas lembre-se de estocar seu flutuador com moedas e pequenas contas, para que você possa fornecer a quantidade apropriada de alteração. Tente evitar ter pouca ou muita flutuação. O pouco pouco flutuante significa que você não pode mudar para os clientes, enquanto muita flutuação pode abrir oportunidades de roubo e má administração.

Como os caixas podem evitar escassez?

A escassez de dinheiro pode afetar negativamente seu lucro, e é um dos erros de pequenas empresas mais importantes a serem evitados. Alterar a escassez em termos de centavos ou dólares significa que você não pode fazer vendas pelo simples fato de não poder dar aos seus clientes a alteração correta. Além de configurar um flutuador apropriado, você também pode procurar implementar o seguinte:

  1. Certifique-se de atribuir a responsabilidade apropriada: como empresa, você precisará responsabilizar o caixa por erros por erros . Você precisará colocar mecanismos como sinal para os caixas para descobrir quais funcionários estão perdendo dinheiro, com que frequência e quanto.
  2. Beef up Segurança: se você suspeitar que um funcionário de ser desonesto ou roubado, instale câmeras para poder revisar transações e as ações do funcionário. Isso não apenas ajuda a descobrir quem são os culpados, mas também podem ser um incentivo, para ser honesto.
  3. Ofereça treinamento: através do treinamento contínuo, você pode ajudar seus caixas a evitar erros. O treinamento também pode ajudar a capacitar os caixas quando surgirem questões. Caixas igualmente importantes podem cometer erros honestos e, ao colocar políticas e diretrizes claras em relação ao gerenciamento de dinheiro em seus negócios, você reforça sua responsabilidade e gerenciamento de processos.

Video:10 errori comuni che i cassieri fanno

Ir arriba