Como requerer o subsídio de desemprego

Algumas pessoas que acabam desempregadas não têm o direito de receber o benefício contributivo, ou seja, cobrar o desemprego por não ter citado o suficiente. Nestes casos, eles podem optar por solicitar o benefício de desemprego, uma ajuda econômica voltada a esses casos, bem como grupos de difícil integração. Para receber essa concessão, você deve atender a uma série de requisitos, como não excedendo um certo nível de renda. Neste artigo do Unclo.com, informamos todos os detalhes sobre este benefício econômico para que você saiba como você pode cobrar o benefício do desemprego.

  1. Requisitos
  2. Quanto vou cobrar?
  3. Por quanto tempo?
  4. Qual documentação devo enviar?
  5. Onde devo solicitar isso?

Requisitos de requisitos

– Ser não mediado no desemprego – Registre-se como um requerente de emprego no prazo de 15 dias a partir da situação jurídica do desemprego e subscrever o compromisso de atividade .- a ser citado pelo menos 3 meses, ele tem responsabilidades familiares, ou 6 meses se Você não os tem. – Não cobriu o período mínimo de contribuição mínima de 360 ​​dias para ter direito a um benefício contributivo. Falta de renda, de qualquer natureza, maior que 75% do salário interprofissional mínimo, excluindo pagamentos extraordinários. Para 2012, não excedendo o valor de renda mensal de € 481,05. No caso de o trabalho de trabalho ter realizado empregos a tempo parcial, ele deve fornecer os contratos nos quais o número de dias úteis por semana é refletido. E se a pessoa de trabalho tivesse direito a «subsídio de desemprego para os trabalhadores com mais de 52», perceberia isso, em vez de subsídio de desemprego.

Quanto vou cobrar?

A quantidade mensal de subsídio de desemprego é igual a 80% do indicador público de efeitos múltiplos (IREM): 426 euros por mês, quantidade que é atualizada anualmente.

Por quanto tempo?

A duração do subsídio vai dependendo do número de meses negociados e se as responsabilidades familiares forem ou nenhuma responsabilidade familiar: • Trabalhadores com responsabilidades familiares: – entre 90 e 119 dias citados: 3 meses de duração de subsídio – entre 120 e 149 dias : 4 meses- entre 150 e 179 dias: 5 meses a 180 ou mais dias: 21 meses • Trabalhadores sem responsabilidades familiares: a correspondência dos dias é a mesma até 6 meses, mas, embora 180 ou mais dias tenham funcionado, eles só podem ser recebido 6 meses de subsídio. • Trabalhadores fixos descontínuos: A duração do subsídio será equivalente ao número de meses citados pelo desemprego no ano anterior ao pedido.

Qual documentação devo enviar?

Você deve formalizar a solicitação durante os 15 dias úteis a seguir para ter ficado sem trabalho. A documentação que você terá que fornecer é: • Modelo oficial de solicitação. • Candidato e DNI das crianças que coexistem com ele ou são responsáveis ​​e que aparecem no cartão de pedido / identidade do estrangeiro, falhando isso. • Livro de documento familiar ou equivalente. No caso de estrangeiros. • Certificado de empresa em que o uso legal do emprego é credenciado. – Apenas nessas situações em que o certificado da empresa não foi suficiente para credenciar a situação jurídica do desemprego, o documento acreditando que o Accredite. A entidade gerencial solicita isso, uma prova de renda.

Onde devo solicitar?

A solicitação pode ser enviada por procedimentos eletrônicos através da página https://serte.sepe.gob.es/portalsede/, em um escritório de benefícios ou abordando o forte serviço de emprego público> pelo correio.

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a como eu posso carregar o benefício do desemprego, recomendamos que você insira nossa categoria de emprego.

  • Descubra o seu escritório de trabalho para descobrir se você atende a todos os requisitos para solicitar o subsídio.

.

Ir arriba